Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Palavras chave

Últimos assuntos
» Canário Mehringer
Sex Mar 01, 2013 1:21 pm por Francisco C. Bom

» MUDA DE PENAS
Qui Fev 28, 2013 6:37 pm por Francisco C. Bom

» CANARIOS AGATA AMARELO INTENSO E NEVADO
Qui Fev 28, 2013 4:34 pm por Edson Oliveira

» AMAS SECAS
Seg Fev 25, 2013 8:08 am por Francisco C. Bom

» Apresentação de Francisco C. Bom
Seg Fev 25, 2013 8:00 am por Francisco C. Bom

» TIPOS DE CANTO
Dom Fev 24, 2013 10:57 am por Canaril UFC

» EVITANDO OS ANTIBIÓTICOS
Dom Fev 24, 2013 10:24 am por Canaril UFC

» Avaliação do Lipocromo
Dom Fev 24, 2013 10:19 am por Canaril UFC

» O FRISADO GIGANTE ITALIANO
Dom Fev 24, 2013 9:36 am por Canaril UFC

Dezembro 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      

Calendário Calendário


Rejeição das Anilhas

Ir em baixo

Rejeição das Anilhas

Mensagem  Canaril UFC em Dom Jan 20, 2013 2:54 am

“Tenho sido reiteradamente constatado um problema que surge praticamente todos os anos em quase todas as criações.

Quando os filhotes são anilhados aos 6 ou 7 dias, a mãe atira-os fora do ninho, causando inúmeros transtornos, desde a morte dos mesmos, passando pela fratura de suas patas, etc.

A sensação é de desespero, raiva e impotência, pois de nada adianta colocar os filhotes novamente no ninho, que ela tornará a "rejeita-los".

Todas as canárias que tomam a atitude acima citada são excelentes mães e podemos observar que a evolução dos filhotes antes do anilhamento é muito boa.

Quando os filhotes nascem, e durante os 7 a 10 dias, defecam dentro do ninho, sendo a mãe a encarregada de retirar do ninho as próprias fezes dos filhotes, assim como qualquer outra nele presente.

Uma vez passados esses dias, os filhotes mais crescidos, tomam a atitude instintiva de defecar na beira do ninho e depois fora dele.

Quando isto ocorre, a canária já não se preocupará mais com a limpeza do ninho.

Algumas fêmeas são mais esmeradas que outras já na tarefa da limpeza do ninho, e são estas mães que tem mais propensão a rejeitar as anilhas.

O processo é simples :

Anilhamos os filhotes e os colocamos dentro do ninho.

A canária vê dentro do mesmo um agente estranho e tenta tirá-lo para fora, sendo que junto com ele, irá o filhote para o chão da gaiola.

Como solucionar este problema ?

As soluções decorrem da análise das causas que o provocam.

O nosso principal objetivo será então o de inibir que a fêmea atire os filhotes fora do ninho no momento de anilhar os filhotes.

Em primeiro lugar, o anilhamento deve ocorrer no momento em que a anilha entra justo na pata sem magoar o filhote e não antes disto, pois quanto antes, mais possibilidades existem de que a fêmea rejeite a anilha.

Aconselhamos utilizar sempre anilhas de 3,0 que é a maior medida permitida para canários de cor, pois as anilhas menores implicam num anilhamento mais precoce e com isso com maior risco de rejeição.

Caso a canária rejeite a anilha, podemos trocar o ninho.

Escolhemos um ninho de outra gaiola que possua filhotes maiores e tenha bastante fezes nas suas bordas.

A canária imaginará então que os filhotes já estão defecando fora do ninho e abandonará a sua missão de limpar o mesmo.

É muito difícil que tomando esta medida a canária insista em retirar as anilhas do ninho, mas caso isto ocorra, podemos trocar também os filhotes com outra canária, cuja ninhada tenha nascido 2 ou 3 dias antes.

Colocando filhotes com 10 à 12 dias de vida, ela terá mais dificuldade para atira-los fora do ninho.

Desta forma, ela será incentivada a abandonar o instinto de limpeza do ninho.
Tenho visto alguns resultados positivos disfarçando as anilhas, cobrindo os com band-aid cor da pele.

Também tem efeitos satisfatórios a costura de várias anilhas em volta do ninho desde o inicio do choco daquelas fêmeas que não aceitam, fazendo com que elas se habituem antes dos filhotes terem nascido.

Tenho ouvido de alguns criadores que a solução seria a de sujar as anilhas com fezes antes do anilhamento para disfarçar as mesmas, mas se analisarmos a lógica do porque deste problema perceberemos que esta última solução não tem possibilidades de ser bem sucedida.

A perda do filhote durante a criação é sem dúvida a coisa que mais nos chateia e principalmente quando eles estavam crescendo fortes e sadios. "

Álvaro Blasina
Juiz de Cor


*************************************************************************

Canaril UFC afro
avatar
Canaril UFC

Mensagens : 104
Data de inscrição : 15/01/2013
Idade : 31
Localização : Sato André SP
Clube : SOBC

Ver perfil do usuário http://soscanarios.forumbrasil.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rejeição das Anilhas

Mensagem  Luciano Fabrízio em Seg Jan 21, 2013 6:54 pm

Um manejo que eu utilizo é selecionar fêmeas que não faça isso!!

Luciano Fabrízio

Mensagens : 39
Data de inscrição : 21/01/2013
Idade : 42
Clube : AOC

Ver perfil do usuário http://canarilbariani.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum